9 de novembro de 2011

Dinan



Uma viagem constitui uma fonte, um tesouro, uma riqueza incalculável.
(Ryszard Kapuscinski)

Depois da visita à cidade de Saint-Malo seguimos para Dinan, uma vila medieval encantada, situada no nordeste da Bretanha.

O nome "Dinan" tem origem em duas palavras celtas "Dun" (possuir até a defesa) e "Ahna" (deusa padroeira e guardiã dos mortos-vivos).

Dinan é uma cidade amuralhada medieval que no meu entender é mística. É um local mágico que nos reporta para o passado.




As suas muralhas e o seu castelo são imponentes e bem preservadas. 



Esta cidade está repleta de história, de edifícios e casas de madeira coloridas, do séc. XIII e XIV, que ilustram a era medieval.







Nas ruas podemos encontrar várias lojas, restaurantes, creparias, entre outras propriedades. 




Cruzamo-nos com a catedral da cidade que é deslumbrante, nomeadamente os seus vitrais que podem ser apreciados no seu interior.




O castelo de Dinan do séc. XV abriga um pequeno Museu de história. A sua torre permite uma vista panorâmica da cidade. 



O ambiente vivido nesta cidade é surpreendente, considero que seja contagiante, sentimos que não conseguíamos abandonar esta cidade medieval, foi como se estivéssemos presos a ela por os seus laços ligados ao passado. 





 Dinan é uma cidade muito bem preservada onde o tempo estagnou, fomentando o regresso a uma era medieval.

Sem comentários:

Publicar um comentário